sexta-feira, 5 de março de 2010

O correr da vida embrulha tudo, a vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.

(Guimarães Rosa)

Quero marcar mais quem passa por mim, quero perder esse medo de não agradar, essa preocupação em ser o que todos esperam


(Verônica H.)

Não sei se quero descansar, por estar realmente cansada ou se quero descansar para desistir.

(Clarisse Lispector)

Um comentário:

kelzuda disse...

roubei o da clarice!